Passar para o Conteúdo Principal Top

museus de Ponte de Lima

CIHM

Ponte de Lima - Dispõe de um Centro de Interpretação da História Militar

Inauguracao centro historia militar ptl 1 1024 1000
28 Setembro 2016

A Vila Mais Antiga de Portugal dispõe de um novo equipamento. Trata-se do Centro de Interpretação da História Militar de Ponte de Lima, projeto que nasceu em colaboração com o Exército Português. Foi inaugurado no dia 10 de setembro pelo Presidente da República Portuguesa, Prof. Dr. Marcelo Rebelo de Sousa.

O edifício do Paço do Marquês, situado em pleno centro histórico de Ponte de Lima, transformou-se num espaço museológico, interativo, abordando a história militar também no contexto da região e do país, mas com uma incidência especial sobre Ponte de Lima e o território circundante.

Com um passado histórico de largos séculos, situada na antiga via militar Braga - Astorga e no caminho para Santiago de Compostela, banhada pelo rio que lhe deu o nome, a vila de Ponte de Lima assume uma posição de destaque em relação aos outros aglomerados da região. Em virtude da sua importância militar e política, D. Teresa mandou-a povoar, concedendo-lhe foral em 1125, com vários privilégios, entre os quais a proteção da feira que já então se realizava, a mais antiga de que há registo documental.

Os reis da primeira dinastia deram relevância à Vila de Ponte de Lima pela sua posição geopolítica, culminando com a ordem de D. Pedro I em amuralhar e torrear o burgo medievo. Foi notória a importância estratégica e a relevância histórica e militar que esta Praça-Forte teve na defesa nacional no período que decorreu do século XVI ao século XVIII.

Partindo destes pressupostos, o Município apostou na criação de um Centro de Interpretação da História Militar de Ponte de Lima. Recorrendo às novas tecnologias e a um conjunto de serviços, este novo espaço visa dar a conhecer a importância da origem político-militar da Vila Medieval de Ponte de Lima, demonstrando simultaneamente a atividade que a Câmara tem vindo a desenvolver na área da recuperação e divulgação do seu património.

Desta forma, a preocupação central deste Centro de Interpretação é o conhecimento da história local, dos seus lugares, suas gentes e protagonistas, procurando perpetuar memórias de factos histórico-militares relevantes e consciencializar as populações de hoje para a importância desses episódios, bem como a necessidade de se envolverem efetivamente num projeto que é de todos os ponte-limenses e que engloba todo o território do concelho.

Este novo equipamento enquadra-se na estratégia de promoção de uma rede de equipamentos de vocação cultural e turística, de promoção dos recursos endógenos, do património histórico e religioso local.

O Município de Ponte de Lima investiu 300 mil euros neste projeto, cofinanciado pelo programa PRODER. Por sua vez o Exército Português disponibilizou algumas peças do Museu Militar de Lisboa.

O novo núcleo museológico está aberto ao público de terça-feira ao domingo, das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 18h00. A tarifa geral é de 1 €, sendo a entrada gratuita para todos os menores de 12 e maiores de 65 anos.